Provas [comprovadamente alucinadas] de vinho

Cinco miúdas juntam-se para comprovar que não percebem nada de vinhos, mas esforçam-se…

Foi toda uma aprendizagem: um fartote de “cheiradelas”, técnica da inclinação milimétrica do copo e aquela “cena” do ovo e das voltas e reviravoltas do copo em movimento anti-ponteiros-do-relógio e das aspirações e nuvens dos compostos voláteis e tal e coiso.

Eu não faço outra coisa senão cheirar os tais compostos cheirosos – e aquele vinho das fotos cheirava deliciosamente após 45 minutos a respirar.

O meu chá de rosas e gengibre estava delicioso, mas não cheirava tão bem como o vinho. Lamentável…

20121124215654

20121124220908

A tortilha galega estava maravilhosa
e os queijos e todos os chouriços e tudo,
estava tudo óptimo.

Comi alarvemente, mas não digam a ninguém…

20121124220944
Seremos todas profissionais na enologia em breve…
muito muito em breve.
Só não sabemos definir o que é isso do “breve”.

Eu principalmente…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s